Campanha de prevenção ao câncer de pele na Praia de Camburi
Close

Not a member yet? Register now and get started.

lock and key

Sign in to your account.

Account Login

Forgot your password?

Campanha de prevenção ao câncer de pele na Praia de Camburi

16 de jan

Pensando na promoção de saúde e na prevenção do câncer de pele, o Grupo Oncoclínicas e o Centro Capixaba de Oncologia (Cecon) lançaram a campanha #Questãodepele.

O objetivo da iniciativa é conscientizar a população sobre a importância da prevenção e do conhecimento dos sinais e sintomas do câncer de pele.

No último domingo (14), a campanha foi realizada na Praia de Camburi, em Vitória, com distribuição de material informativo com dicas de prevenção.

Durante toda a manhã, as pessoas que passavam pelo local tiveram a oportunidade de saberem um pouco mais sobre a importância de proteger a pele e ainda puderam tirar fotos no painel da campanha, montado no local.

A ação ainda contou com a participação da oncologista do Cecon Juliana Alvarenga Rocha, que deu orientações sobre como evitar a doença e como cuidar da saúde da pele corretamente.

“O principal fator que causa o câncer de pele é a exposição solar e por isso é tão importante a prevenção. É essencial usar protetor solar e evitar se expor no período entre 10 da manhã e 4 da tarde. E isso vale para pessoas de todas as idades e tipos de pele”, explicou a oncologista.

De acordo com dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca), todos os anos surgem mais de 176 mil casos de câncer da pele, o de maior incidência no País.

Além de provocar lesões benignas que são retiradas, na maioria das vezes, sem causar grandes problemas à saúde, o câncer de pele também se manifesta de forma mais grave. Trata-se do melanoma, um tipo de câncer muito agressivo. Pintas que crescem rápido, mudam de cor, sagram ou apresentam elevações e bordas estranhas são sinais de alerta. Ao perceber qualquer anormalidade, é preciso procurar imediatamente um dermatologista.

“Quanto mais cedo for realizado o diagnóstico, maiores são as chances da detecção da doença em seus estágios iniciais e, consequentemente, maiores são as taxas de cura. Doenças mais avançadas possuem potencial mais agressivo, inclusive com possibilidade de existirem metástases já no diagnóstico inicial”, explicou.

Dicas para curtir as estações do ano sem prejudicar a saúde da pele:

– Aplique protetor solar em toda a pele exposta, 15 minutos antes de sair ao sol, mesmo em dias nublados e durante todo o ano. Use um protetor que ofereça ação de amplo espectro contra os raios UVA e UVB e tenha um fator de proteção solar (FPS) de pelo menos 30. Reaplique a cada duas horas ou depois de nadar/suar;

– Lembre-se que o protetor solar é apenas um componente de segurança e não permite a você passar um tempo ilimitado debaixo do sol, em especial entre as 10h e 16h, quando os raios são mais fortes. Procure ficar em lugares com sombra neste intervalo de horas;

– Importante lembrar que, mesmo áreas menos visíveis e não expostas diretamente ao sol, como o couro cabeludo, podem apresentar manchas suspeitas. Por isso, não deixe de usar e abusar de chapéus e bonés;

– Blusas com FPS (Fator de Proteção Solar) 15 ou mais e óculos escuros também fazem parte dos aliados na redução de riscos de câncer de pele;

-Cerca de 70% da exposição solar que sofremos é ocasional. Por isso o uso constante de protetor solar é recomendado independente do que planeja fazer ao longo do dia;

– Trabalhadores que desempenham seus trabalhos expostos ao sol também precisam se prevenir, com uso de filtro solar, chapéus de abas largas, óculos escuros e roupas que cubram boa parte do corpo.

Deixe seu comentário